Home » » Era Uma Vez...

Era Uma Vez...

Redação Por Duran | 05/06/2017

Era uma vez uma série que reunia diversos contos de fadas (e outras coisas) em um único lugar, onde Branca de Neve, Cinderela, A Bela e a Fera, Peter Pan e diversas outras histórias coexistem, muitas vezes até se interligando. Isso é Once Upon a Time (que pode ser traduzido como "Era Uma Vez") e eu preciso escrever um pouco sobre essa série, ou melhor, o futuro dela. Já deixo avisado que é uma postagem com alguns spoilers, então leia por sua conta e risco.

Rumpelstiltskin (Robert Carlyle) e Killian Jones/Captain Hook/Capitão Gancho (Colin O'Donoghue).
Uma série que eu acompanho desde as primeiras temporadas é Once Upon a Time e durante esses seis anos de histórias, tem sido muito agradável. Em um dia qualquer vi a notícia de que a série foi renovada para uma segunda temporada e nos comentários alguém questionando se a maior parte do elenco realmente deixaria a série, o que me fez dar uma pesquisada e descobrir que sim, seis membros do elenco principal deixariam a série. Jennifer Morrison (Emma Swan), Ginnifer Goodwin (Snow White), Josh Dallas (David), Jared Gilmore (Henry Mills), Emilie de Ravin (Belle French) e Rebecca Mader (Zelena) realmente deixarão a série.

De todos que não estarão mais na série, a saída que me parecia mais improvável era a da Jennifer Morrison, que fazia a personagem principal, Emma Swan. O que me deixa mais intrigado, é que o Colin O'Donoghue que interpreta o Hook (Gancho) e é o atual par romântico da Emma irá continuar na história, me dando um pouco de medo do que acontecerá no episódio final da sexta temporada (que até o momento que essa postagem for ao ar, já terá sido exibido).

Não tem como saber como será a próxima temporada, mas os meus três personagens preferidos que são: Rumpelstiltskin, Regina Mills (Rainha Má) e Captain Hook vão continuar na série, o que já me deixa minimamente curioso para saber o que vai acontecer. Como já falei, o único futuro que me assusta é o do pirata, mas me bate grande curiosidade para saber o futuro dos demais, gerando perguntas como: "Será que o Rumpel finalmente irá se redimir?", "Será que a Regina vai achar seu final feliz?", "Ainda teremos um Dark One?".

Regina Mills/Evil Queen (Lana Parrilla).
Como vocês podem ver em uma outra postagem minha, eu também sou fã de Doctor Who, o que me mostrou que a saída da Emma, além de ser contornada, pode melhorar o futuro da série. Na temporada atual (6ª) foi mostrado que Emma não é a única "The Savior", que existiram outros antes dela, como o Aladdin. Aprendemos que o título de salvadora é algo passado de uma pessoa para outra (assim como Dark One, só que de forma indireta) e em Doctor Who a série é mantida ao vermos o Doctor se regenerando e se tornando outro ator, no caso de Once Upon a Time, a série poderia passar a focar em outro Savior, de forma que a saída de um ator jamais poderia significar o fim da série.

Essa troca constante de protagonistas poderia gerar momentos marcantes na série, com o protagonista do momento e um anterior se encontrando ou um episódio especial com todos os protagonistas que já existiram. Acredito que vá ser um grande desafio continuar achando histórias para encaixar na série, mas uma vez que já foram utilizados Frozen e Valente, acredito que qualquer novidade da Disney já crie possibilidades novas ao mesmo tempo que OUAT já demonstrou não ter problemas em mudar o ator que interpreta um personagem ou outro e personagens menores podem voltar eventualmente sendo interpretados por outra pessoa.

Merida (Amy Manson) e Mulan (Jamie Chung), duas coadjuvantes que adoro.
A verdade é que Once Upon a Time já passou por muita coisa. Por ser uma série que além de uma trama principal, retrata várias histórias de diversos personagens (muitos já conhecidos de versões da Disney, outros próprios da série), é uma série que vive se renovando. Agora a história vai passar pela sua maior metamorfose, encarando a saída de personagens de peso e sinceramente, acho que a série vai conseguir se sair bem (claro que posso estar errado) e quem sabe não estejam dando inicio a uma fórmula de anos de sucesso?

Voltando um pouco ao final da sexta temporada, parece até incabível que uma série que reúna tantos personagens que já passaram pela Disney nunca tivesse tido um episódio musical. Eu nunca fui muito fã de musicais com atores reais até um episódio crossover entre Flash e Supergirl, onde descobri que a essa altura da minha vida, eu já tinha passado a gostar, mas em OUAT significou muito mais, as músicas da Evil Queen e do Hook grudam na cabeça e eu gostaria de deixar uma delas para finalizar essa postagem.

SHARE